3 Grandes riscos do Crossfit que você não sabia

crossfit6-1024x576

O crossfit é uma modalidade de exercício que é bastante praticada nas academias. Existem vários tipos de pessoas que você só encontra por lá.

De acordo com a revista viva saúde, o CrossFit “é um programa de treinamento de força e condicionamento físico desenvolvido para melhorar a competência do indivíduo em todas as tarefas físicas. Esse exercício é orientado para o resultado, baseando-se em três princípios“: movimentos funcionais, variação constante e alta intensidade.

Considerado uma modalidade de alta intensidade e que exige bastante do seu corpo, o crossfit é ideal para pessoas que buscam definição muscular. Mas por trás de uma prática de alta intensidade, existem alguns riscos que nunca te contaram.

Os limites do corpo

crossfit1-600x400

De acordo com o ortopedista Marco Aurélio, de Rio Branco(AC), em entrevista ao programa Globo esporte, conta que é preciso conhecer os limites do corpo primeiramente antes de embarcar em uma modalidade como esta. Ele conta que “todo esporte pode ter lesão, uns com mais riscos que os outros. Já tive alguns casos onde as pessoas reclamaram que se machucaram durante treinamento de funcional e crossfit.

Que eu atendi foram quatro. A grande maioria era de dores musculares e pequenos traumas, com contusões. O recomendável é que a pessoa procure um médico para fazer uma avaliação e ver se é possível ou não iniciar o treinamento com exercícios mais intensos.

Depois disso, ter a real noção da capacidade do corpo e tentar não ultrapassar os limites, principalmente no começo. O educador físico está lá para auxiliar nisso. Se sentir algum tipo de dor, o atleta deve procurar um médico para saber qual tipo de lesão é e começar o tratamento.”

Lesão na coluna e nos ombros

crossfit-01-1024x682-600x400

De acordo com um estudo realizado no Reino Unido, a frequência de lesões no crossfit acontece por conta da realização de exercícios de alta complexidade e por realização deles até a fadiga.

O estudo aplicou um questionário a 132 participantes dessa modalidade de treinamento com a intenção de avaliar o índice de lesões. Cerca de 3/4 das pessoas relataram lesões nos ombros e na coluna. Nove deles relataram a necessidade de cirurgia após a lesão.

O risco de desenvolver uma rabdomiólise

class5-600x267

De acordo com Paulo Nobuo, do portal msn, “O risco de rabdomiólise também aumenta entre pessoas que praticam atividades intensas, como o CrossFit, de forma incorreta e exagerada. A rabdomiólise é o nome dado à morte de fibras musculares que, causada por lesões, libera na corrente sanguínea uma substância chamada mioglobina.

A liberação da mioglobina, quando provocada por danos aos músculos, faz com que a substância seja filtrada pelos rins, sobrecarregando os órgãos e podendo provocar insuficiência renal aguda. Dores e fraqueza muscular, urina de coloração escura, falta de ar e inchaço de mãos e pés são alguns dos sintomas da condição.

Você pratica CrossFit? O que achou dos riscos? Mande seu comentário para gente!

Deixe uma resposta